Dia da Internet Segura: vazamento de dados e privacidade são os destaques

2019 será o ano de mais atenção para o tema, principalmente quando se fala em privacidade e Lei Geral de Proteção de Dados

Por: Redação, ⌚ 05/02/2019 às 17h40 - Atualizado em 05/02/2019 às 17h42

Hoje, 5 de fevereiro, é comemorado o Dia Mundial da Internet Segura, data que tem como objetivo conscientizar sobre a utilização responsável da internet. A cada ano, aumentam os ataques virtuais e investir em segurança digital torna-se cada vez mais necessário. Só os serviços gerenciados (Managed Security Services – MSS) e soluções de próxima geração devem movimentar mais de US$ 1 bilhão no Brasil esse ano, de acordo com as previsões da IDC.

 

Os recentes casos de vazamento de dados como Vale, SEI, Cielo, entre outros, chama atenção para a importância do tema. E foi justamente essa crescente preocupação somada aos casos de vazamento e necessidade de melhorar a privacidade dos cidadãos que levou à adoção de regulamentações abrangentes como a Lei Geral de Proteção de Dados (GDPR) na União Europeia e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGDP), que entrará em vigor no Brasil em exatamente dois anos.

 

No campo da cidadania digital, o Google ouviu 400 pais e professores no Brasil sobre suas opiniões em relação ao dia da internet segura. 69% dos professores dizem que as crianças deveriam aprender sobre proteção online em casa e na escola. 91% dos profissionais de ensino dizem que precisam de mais recursos para ensinar sobre o tema de maneira mais eficaz. Previnir o cyberbullyng, privacidade e evitar golpes são os destaques das principais preocupações dos professores sobre o tema.

 

Já os pais afirmam que 8 anos é a idade em que as crianças deveriam começar a aprender sobre segurança online e 89% dos pais dizem que para as crianças serem bem-sucedidas, elas devem desenvolver habilidades digitais. Entre as principais preocupações dos pais, o destaque vai para privacidade, conteúdos impróprios e compartilhamento de informações.

 

O tema da Segurança é tão importante hoje porque a era digital mudou virtualmente quase todos os aspectos de nossas vidas: interação social, comércio e educação são alguns exemplos. Espera-se que quando o 5G for adotado globalmente, a Internet 3.0 – a web semântica ou a internet de dados – terá início. E, com ela, novos riscos e desafios para a cibersegurança.

 

Os gastos globais com produtos e serviços de proteção da informação devem crescer 8,7%, atingindo US$ 124 milhões em 2019 de acordo com uma pesquisa do Gartner. Ela também apontou que as preocupações com privacidade serão responsáveis por pelo menos 10% da demanda por serviços de segurança, como gerenciamento de identidade e acesso (IAM), governança e administração de identidade (IGA) e prevenção de perda de dados (DLP).

 



Newsletter

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS