Vale tem documentos de uso interno vazados por hackers

Relatórios de ocorrências e incidentes de segurança foram expostos devido a falha no Microsoft SharePoint, que permitiu o acesso não autorizado aos dados

Por: Jackson Hoepers, ⌚ 30/01/2019 às 17h57 - Atualizado em 04/02/2019 às 17h03

A mineradora Vale teve documentos de uso interno expostos na internet devido a uma falha do Microsoft SharePoint, que permitiu a hackers resgatarem relatórios de ocorrências e incidentes de segurança. Vários arquivos ainda estão expostos no Google em um link de informações de “uso interno”.

 

A Security Report teve acesso ao link do Pastebin, onde haviam 3 links para o repositório Mega, porém esses já foram removidos.

 

 

No vazamento, os hackers deixaram uma mensagem de protesto, em virtude do recente caso em Brumadinho/MG. Confira a íntegra:

 

“Quanto vale uma vida?

 

Para a Vale do Rio Doce uma vida é apenas um número, uma cifra, um ponto estatístico, um risco mensurável na reputação da marca.

 

Achamos que teriam aprendido com experiências passadas, mas é simplesmente impossível que percebam valor de uma vida, se eu mato 65 pessoas sou retirado de circulação, se uma empresa do tamanho dela mata, recebem uma multa e continuam operando normalmente. Uma multa! Não é a toa que assim a vida também tenha um preço.

 

Eu e você todos temos um preço nessa tabela, é questão de tempo para sermos os próximos, assim que isso for rentável. Não iremos ficar quietos, lutaremos contra a estupidez com a informação.

 

Quanto vale a vida? A vida vale mais do que a vale.”

 

Procurada pela redação, a assessoria da Vale não se pronunciou até o fechamento dessa matéria.

 



Newsletter

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS