Chinesa Ant armazenará dados de usuários dos EUA localmente

Filial de finanças da Alibaba afirma que vai cumprir os padrões de infraestrutura de Segurança existentes da MoneyGram, amenizando receios gerados com a proposta de aquisição desta

Por: Redação, ⌚ 07/04/2017 às 16h50 - Atualizado em 07/04/2017 às 16h50

A chinesa Ant Financial tentou nesta quinta-feira (06) amenizar receios sobre a proposta de aquisição de 880 milhões de dólares da MoneyGram, dizendo que pretende armazenar dados dos usuários dos EUA localmente, uma vez que o negócio for fechado.

 

A filial de finanças do gigante de internet Alibaba vai cumprir os padrões de infraestrutura de segurança existentes da MoneyGram e investir em empregos nos EUA, afirmou o chefe de estratégia internacional da empresa, Douglas Feagin.

 

“Qualquer dado coletado de usuários do MoneyGram nos EUA continuará a residir nos mesmos servidores baseados no país que atendam aos altos padrões de segurança que seus clientes confiam hoje”, disse Feagin em carta aberta.

 

A Ant acertou a compra da MoneyGram em janeiro, mas no mês passado a Euronet Worldwide, fez uma oferta rival e pediu ao governo dos EUA que examine a oferta da Ant sobre “riscos significativos de segurança nacional”.

 

O chefe da Euronet, Michael Brown, disse que a propriedade chinesa pode comprometer a relação entre as forças da lei e a MoneyGram quando investigarem lavagem de dinheiro e “financiamento do terrorismo”.

 

Mas Feagin disse nesta quinta que a Ant planeja investir em medidas de conformidade e programas contra lavagem de dinheiro.

 

A oferta de Ant ocorre em meio à crescente tensão entre a China e EUA em relação ao comércio. O negócio será submetido a uma revisão por um painel sobre aquisições estrangeiras quanto aos riscos para a segurança nacional.

 

A MoneyGram é uma das maiores empresas do mercado global de remessas, oferecendo serviços em cerca de 350 mil lojas em 200 países. Ela daria à Ant uma cobiçada rede de parcerias financeiras e um alicerce em sua estratégia internacional.

 

A proposta inicial da Euronet é avaliada em cerca de 1 bilhão de dólares e a MoneyGram disse que vai considerar cuidadosamente a oferta.

 

* Com informações da Agência Reuters

 



Newsletter

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS