Ameaças em crescimento exigem tecnologia eficiente

Nova solução do mercado simplifica a gestão de vulnerabilidades e protege aplicações contra lentidões e exploits

Por: Redação, ⌚ 22/02/2021 às 18h58 - Atualizado em 22/02/2021 às 18h58

A AppDynamics, que faz parte da Cisco e é a solução de gerenciamento de desempenho de aplicações (APM, na sigla em inglês) número um do mercado está lançado o Cisco Secure Application, primeira solução do mercado a simplificar o gerenciamento de vulnerabilidades, a defesa contra ataques e a proteção de aplicações – de dentro para fora. A inovação, desenvolvida em conjunto com a divisão Cisco Security, combina segurança e insights de aplicações em uma única solução.

 

Construída nativamente dentro da plataforma AppDynamics, a solução beneficia os usuários com menor fadiga de alertas, detecção de ameaças em tempo real e prevenção automática de violações de segurança. O resultado é que as empresas podem contar com o desempenho das aplicações sem temer prejuízos significativos à reputação de sua marca e à confiança de seus clientes.

 

Cada vez mais as organizações dependem de aplicações para se relacionar com seus clientes e fornecer seus serviços, o que faz com que enormes volumes de dados pessoais de usuários sejam armazenados dentro dessas aplicações. Com isso, as organizações enfrentam maior vulnerabilidade a ameaças cibernéticas e ocorrências de segurança. Esse desafio torna-se ainda mais sério à medida que é necessário dar suporte a mais funcionários que trabalham em casa, com laptops e dispositivos conectados à internet pública.

 

Isso está evidenciando as limitações das práticas de monitoramento e expandindo imensamente o perímetro da TI, o que cria novas fragilidades e vulnerabilidades até mesmo nas propriedades de TI mais seguras. Não ter os processos e soluções certos implementados para salvaguardar os dados armazenados em aplicações não só coloca a reputação da marca e a confiança do consumidor em risco, como também pode custar milhões de dólares às organizações caso haja violações.

 

Agora que as aplicações rodam em qualquer lugar – desde on-premise até microsserviços nativos da nuvem e em múltiplas nuvens –, somadas à inovação acelerada, a necessidade de uma abordagem de segurança direcionada a aplicações é primordial. Essa mudança fundamental permitirá que os profissionais de TI identifiquem vulnerabilidades dentro das aplicações durante a produção e relacionem as vulnerabilidades e brechas com o impacto comercial, reunindo as equipes de Aplicações e de Segurança para facilitar a rápida remediação.

 

Com a Secure Application, os times de TI não vão mais sacrificar a segurança em prol da velocidade. A Secure Application é a única solução que traz o diferencial de relacionar desempenho empresarial e insights de segurança com fricção zero a fim de proteger as marcas contra lentidões e exploits.

 

“Uma aplicação lenta ou com subdesempenho pode impactar significativamente a experiência do usuário, mas quando a segurança de uma aplicação é violada e explorada, pode haver consequências graves para o usuário final. As empresas simplesmente não podem se dar o luxo de ignorar o risco”, afirma Jeetu Patel, vice-presidente sênior e gerente geral de segurança e aplicações da Cisco.

 

Com a Secure Application, as equipes de TI corporativa terão acesso a:

 

• Proteção automática durante a execução: Visibilidade do comportamento real de uma aplicação para facilmente detectar ataques, identificar discrepâncias e bloquear ataques automaticamente;

 

• Gestão simplificada de vulnerabilidades: Acesso no nível do código para detecção de dependência e vulnerabilidades de segurança da produção no nível de configuração;

 

• Insights de segurança fundamentados pelo impacto nos negócios: Informações detalhadas de segurança correlacionadas com a topologia das aplicações, a fim de avaliar a relevância comercial de ocorrências de segurança e ajudar as equipes a focar as ocorrências mais importantes;

 

• Colaboração entre as equipes de Aplicações e de Segurança: Contexto compartilhado entre as equipes de Aplicações e de Segurança para colaboração máxima, melhor postura de segurança e práticas digitais saudáveis.

 

 

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS