Serviço de valor agregado: você ainda vai ter um, mas quais as vantagens?

TVD vai reunir nesta quinta-feira às 10h especialistas para debater as oportunidades em contar com o SVA nas propostas de negócio e como a Segurança pode agregar valor

Por: Redação, ⌚ 21/07/2021 às 15h20 - Atualizado em 21/07/2021 às 15h20

A Segurança da Informação vive hoje uma verdadeira transformação na maneira de atuação e como interage com as áreas de negócio. Há anos os profissionais destacam a importância de a SI falar a linguagem do bunisess e fazer parte das principais tomadas de decisões.

 

Mas nunca foi tão necessário estar ao lado do negócio como na atualidade. Com a retomada forte das empresas na era digital e consolidação dos modelos de trabalho remoto, a Segurança vem desempenhando um papel de parceria, atenta aos temas que são relevantes para o board como continuidade de negócio e agregar valor.

 

É neste cenário que a TVD traz um tema novo para a discussão entendendo como a SI pode mergulhar ainda mais neste contexto e estar próxima ao business. Em parceria com a Lidera e McAfee, o painel de debates será realizado nesta quinta-feira às 10h e contará com especialistas de operadoras que atuam na linha de frente para levar os clientes serviços diferenciados, os famosos Serviços de Valor Agregado (SVA).

 

Uma pesquisa da McAfee sobre como o novo normal traz oportunidades destacou o aumento das atividades online não só para trabalho e estudos, mas para transações financeiras, compras online, interação com família e amigos, jogos e entretenimento de streaming. Estima-se que o uso da internet aumento em 70% com a pandemia.

 

Ou seja, a Segurança deve ser fácil, conveniente e não um impedimento para esse uso massivo do ambiente online. A transformação digital acelerada causada pelo COVID lançou uma nova luz sobre a importância da Segurança. O McAfee COVID-19 Threat Report, de julho de 2020, já mostrava alta de 71% de novos malwares móveis e detecção de mais de 1 milhão de arquivos maliciosos relacionados ao COVID-19.

 

Com um número crescente de países incentivando os cidadãos a ficar, aprender ou trabalhar em casa, agora é o momento de se concentrar na segurança cibernética, tanto para ambientes pessoais quanto para o trabalho remoto. O consumidor entendeu que precisa de proteger para não sofrer abuso no uso de seus dados pessoais ou cair em golpes com acessos fraudulentos de senhas.

 

Esses novos hábitos no online abrem caminho para o SVA entrar em cena e uma oportunidade dos provedores de serviço se diferenciar, ampliando a receita do negócio e entregando valor ao cliente.

 

Para debater esse tema, a TVD vai contar com:

 

Guilherme Fernandes, Tribe Leader na Algar Telecom. Com uma trajetória focada em TIC, o executivo tem ampla experiência no ciclo completo de ideação, desenvolvimento, implantação e gestão de produtos.

 

Luiz Mendes, CEO no iG – Publicidade e Conteúdo. Ele conta com uma sólida experiência em toda a cadeia de Mídia Digital, com ampla atuação no planejamento estratégico para todas as plataformas digitais, desenvolvimento e lançamento de novas tecnologias e novos produtos WEB.

 

Murilo Siqueira, Diretor Comercial na Pronto Fibra. Com atuação no ramo de internet há 20 anos, o executivo passou por áreas técnica e comercial, em duas das maiores operadoras do Brasil, atuando tanto no mercado residencial, empresarial quanto no governamental.

 

Rogério Dallemole, Diretor Financeiro da Associação NEO. Dallemole atua no mercado de TV por assinatura desde 1997, sendo os últimos 13 anos como Diretor Executivo da Associação NEO.

 

Tatiana Carvalhinha, Country Manager na Lidera. A executiva atuou por quase 9 anos na McAfee e conta com mais de 15 anos de experiência na área de tecnologia, Security, Cloud, Mobile, IoT e Home Connection. A lidera cresceu 150% no último ano e pretende dobrar nos próximos 2 anos. Hoje, são 40 ISPs operando com a companhia.

 

As inscrições para esse debate imperdível estão abertas na TVD.

 

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS