Computação em nuvem: Como inovar com segurança em tempos de pandemia?

Na próxima quinta-feira (06), a TVD reunirá executivos de empresas como Banco Modal, APAS, NotreDame Intermédica, Cogna Educação, Suzano, Boa Vista, Via Varejo, Petrobrás, UHG e Banco Original para debater o papel da SI na modernização baseada em nuvem, além do desafio de gerenciar e proteger os ativos mais valiosos das empresas, os dados

Por: Redação, ⌚ 04/08/2020 às 12h00 - Atualizado em 05/08/2020 às 18h33

De acordo com as previsões da IDC, a computação em nuvem mantém um crescimento impressionante na América Latina, com um avanço na ordem de 46% de 2017 até 2023. No Brasil, a nuvem pública tem sido o centro das discussões e mais de 2/3 das companhias têm algum tipo de iniciativa neste modelo, com previsão de movimentar US$ 3,5 bilhões este ano, alta de 36% sobre o ano anterior.

 

Já a nuvem privada, por sua vez, atende necessidades mais específicas de modernização e controle. Em grandes empresas brasileiras, é possível identificar até 25% do orçamento de TI voltado para este modelo e a estimativa é que este mercado atinja US$ 1,3 bilhão neste ano, impulsionado principalmente por instituições do setor financeiro.

 

Por mais que a cloud computing seja um caminho sem volta e está sendo adotada de forma exponencial, ainda existe um grande desafio de gestão. Segundo a IDC, a multiplicidade de nuvens e os ambientes híbridos trarão complexidade para a TI, que necessitará de apoio para gerenciar esse footprint e mantê-lo operando de forma otimizada.

 

E qual é o papel da Segurança da Informação diante desse cenário? De que maneira a SI pode contribuir para uma migração segura a fim de ajudar o negócio a ser mais ágil e flexível nas estratégias de modernização baseada em nuvem?

 

Para responder essas questões e aprofundar a discussão do tema, a TVD vai reunir nesta quinta-feira, 06 às 10h, um grupo de líderes em uma Mesa Redonda virtual e interativa. Os C-Levels destacarão como estão se preparando para essa nova era da Segurança, mais estratégia e colaborativa, além do desafio de gerenciar e proteger os ativos mais valiosos das empresas, os dados.

 

O debate vai reunir lideranças de mercado:

Alex Amorim, CISO|DPO da Cogna Educação

Robson Santos, CISO da Via Varejo

Paulo Yukio, DPO da Boa Vista

Willians Santos, CISO do Banco Original

Arnolfo Aquino, gestor de Segurança da Suzano

Marcia Tosta, gerente executiva de Segurança da Petrobrás

Alessandro Almeida, gerente de Segurança do Grupo NotreDame Intermédica

Luis Garcia, gerente de Segurança da Boa Vista

Alexandre Barela, CSO do Banco Modal

Anderson Martins, CIO da APAS

 

O link de inscrição está aberto. Acompanhe essa discussão durante a mesa redonda que será transmitida pela TVD. 

 

 



Newsletter

Alex Amorim
Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Graça Sermoud

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS