Solução cibernética de inteligência auxilia Rio 2016

Organização do evento utilizou ferramenta de identificação do ambiente de ameaças para detectar e mitigar ataques e acompanhar a evolução de manifestações não-pacíficas

Por: Redação, ⌚ 24/08/2016 às 15h00 - Atualizado em 08/09/2016 às 15h03

O Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer (CTI) e a Kryptus S/A (ambos em Campinas/SP) em conjunto com a Israel Aerospace Industries (IAI) e a LeadSpotting (ambas em Israel) implementaram uma solução cibernética de coleta de informações de inteligência para uso nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

 

A solução de Cyber Threat Intelligence melhora a identificação no ambiente cibernético de ameaças aos Jogos Olímpicos, de forma a ajudar os organizadores, forças da lei e unidades de inteligência a detectar e mitigar ataques cibernéticos e a evolução de manifestações não-pacíficas.

 

A solução combina tecnologias de ponta israelenses e brasileiras para a coleta de informação via Web e o know-how de inteligência, com o profundo entendimento de operações no domínio cibernético. O uso da solução iniciou-se após as quatro entidades finalizarem o processo de integração tecnológica, realizado de forma altamente eficiente.

 

“Nós estamos orgulhos de contribuir com a segurança das Olimpíadas no Brasil”, disse Esti Peshim, diretora de programas cibernéticos da IAI. “Esta cooperação entre entidades brasileiras e israelenses vai ajudar na segurança dos Jogos e assistir na identificação de ameaças potenciais. Nós esperamos que esta solução inicial leve a novas cooperações produtivas entre os envolvidos”.

 

O CTI é uma unidade do Ministério da Ciência. Tecnologia, Inovações e Comunicações, sendo responsável pela pesquisa e o desenvolvimento em diversas áreas estratégicas como micro e nano eletrônica, software e aplicação de TI. No presente esforço o CTI, através da Divisão de Segurança de Sistemas da Informação, tem liderado o desenvolvimento de um sistema utilizado pelas organizações de inteligência durante os jogos.

 

A Kryptus é uma empresa Estratégica de Defesa (EED) brasileira que desenvolve, integra e operacionaliza uma ampla variedade de soluções de segurança cibernética em software, firmware e hardware, com soluções indo de semicondutores seguros a sistemas complexos de gestão de identidades. A Kryptus é a empresa da área cibernética que atua no maior número de programas militares no Brasil.

 

A IAI é globalmente reconhecida no desenvolvimento e na produção de sistemas para os mercados de defesa e privado. A IAI oferece soluções únicas para um amplo espectro de requisitos nos domínios espaciais, aéreos, terrestres, marinhos e cibernéticos. A IAI está desenvolvendo soluções de inteligência cibernética, alertas antecipados, aumento de robustez e defesa. A IAI opera quatro centros de pesquisa e desenvolvimento, sendo um em Singapura, um na Suíça e dois em Israel.

 

A LeadSpotting provê uma plataforma de inteligência sobre fontes abertas que coleta e analisa mídia social e conteúdo web. A plataforma gera alertas baseados nos conteúdos interceptados e analisados de acordo com algoritmos avançados proprietários. Suas soluções são utilizadas por líderes nos setores corporativos e de agências governamentais pelo mundo.



Newsletter

Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Alex Amorim

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS