Indra desenvolve plataforma voltada à capacitação em cibersegurança

Sistema atende aos padrões internacionais de segurança e oferece o nível de treinamento mais exigente a quem busca capacitação na área

Por: Redação, ⌚ 11/03/2020 às 16h08 - Atualizado em 11/03/2020 às 16h08

A preocupação em conter ataques cibernéticos atinge cada vez mais companhias e países. Estimativas do Cert.br (Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil) mostram que no Brasil foram registrados 676 mil incidentes em 2018, quase o dobro do registrado cinco anos antes.

 

Mobilizar jovens profissionais para atender à demanda por cibersegurança é um desafio global. Buscando colaborar para isso, a Indra disponibiliza a ferramenta Cyber Range. Nela, profissionais e estudantes podem demonstrar sua capacidade de conter ataques cibernéticos reais e proteger serviços públicos e privados.

 

Trata-se de um sistema que atende aos padrões internacionais de segurança e confidencialidade e oferece o nível de treinamento mais exigente aos profissionais.

 

Atualmente, uma competição na Espanha demonstra na prática o potencial dessa solução. Cerca de 2 mil universitários de 15 faculdades participam de uma competição que usa como base a Cyber Range e, nela, têm de demonstrar suas habilidades éticas e análises forenses.

 

Entre os desafios a serem superados estão encontrar evidências ocultas em um sistema; detectar as vulnerabilidades de um sistema crítico; e mover lateralmente e pular de um sistema para outro. No campo forense, eles analisam discos rígidos, memória do computador e coletam evidências.

 

Além de colaborar para a capacitação de jovens profissionais, a Cyber Range já foi usada pelo Comando Conjunto da Ciber-Defesa Espanhola, Guarda Civil, Polícia Nacional, vários policiais de toda a Europa, OTAN e especialistas do Exército Europeu e de defesa cibernética da América Latina.

 

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS