Huawei inaugura Centro de Transparência em Cibersegurança em Bruxelas

Empresa pede ao mercado e governos que estabeleçam padrões e objetivos de segurança cibernética unificados

Por: Redação, ⌚ 15/03/2019 às 11h50 - Atualizado em 15/03/2019 às 11h50

A Huawei inaugurou na última semana seu Centro de Transparência em Cibersegurança na cidade de Bruxelas, na Bélgica. O evento contou com a presença de mais de 200 representantes de agências reguladoras, operadoras de telecomunicações, empresas e a mídia. Representantes da União Européia, da GSMA e do Fórum Econômico Mundial participaram na cerimônia de abertura.

 

A abertura do Centro de Transparência em Cibersegurança em Bruxelas demonstra o compromisso da Huawei com a segurança cibernética para governos, clientes e outros parceiros na Europa, e fornecerá melhor suporte para facilitar a colaboração.

 

Confiança na segurança cibernética é um grande desafio que o mundo enfrenta na era digital. Ken Hu, vice-presidente da Huawei, afirmou: “A confiança precisa ser baseada em fatos, fatos devem ser verificáveis e a verificação deve ser baseada em padrões comuns. Acreditamos que este é um modelo eficaz para construir confiança para a era digital”.

 

Convite à colaboração

 

Os novos desenvolvimentos em nuvem, inteligência e tudo definido por software trazem desafios sem precedentes para a segurança cibernética da infraestrutura de TIC. A falta de consenso sobre segurança cibernética, padrões técnicos, sistemas de verificação e apoio jurídico torna esses desafios bem maiores. A proteção da segurança cibernética é considerada uma responsabilidade de todos os atores do setor e da sociedade como um todo. Os crescentes riscos de segurança são ameaças significativas para a sociedade digital do futuro.

 

O Centro de Transparência em Cibersegurança da Huawei chega com o objetivo de enfrentar os crescentes desafios de segurança e oferecer às agências governamentais, especialistas técnicos, associações do setor e organizações de padrões uma plataforma onde possam se comunicar e trabalhar de forma colaborativa para equilibrar a segurança e desenvolvimento na era digital.

 

As três funções principais do Centro de Transparência em Cibersegurança são:

 

– Mostrar as práticas de segurança cibernética de ponta a ponta da Huawei, desde estratégias e cadeia de suprimentos até P&D e produtos e soluções. Isso permitirá que os visitantes experimentem a segurança cibernética com os produtos e soluções da Huawei, em áreas como 5G, IoT e nuvem.

 

– Facilitar a comunicação entre a Huawei e as principais partes interessadas em estratégias e práticas de segurança cibernética e proteção de privacidade de ponta a ponta. A Huawei trabalhará com parceiros do setor para explorar e promover o desenvolvimento de padrões de segurança e mecanismos de verificação, para facilitar a inovação tecnológica em segurança cibernética em todo o setor.

 

– Fornecer uma plataforma de testes e verificação de segurança de produtos e serviços relacionados aos clientes da Huawei.

 

Padrões e verificações: um modelo eficaz para construir confiança

 

A proteção da segurança cibernética é considerada uma meta compartilhada por todas as partes interessadas, incluindo fornecedores de equipamentos, operadoras de telecomunicações e reguladores. A Huawei colocou a segurança cibernética e a proteção de privacidade do usuário no topo de sua agenda. A abordagem da Huawei em cibersegurança é “Segurança ou Nada”.

 

“Entendemos totalmente as preocupações com a segurança cibernética que as pessoas têm neste mundo digital. Acredito que boas soluções para resolver o problema partem do entendimento mútuo, que é o propósito de montarmos o centro de transparência. Que os agentes reguladores sejam bem-vindos, assim como as organizações de padrões e que os clientes usem essa plataforma para colaborar mais estreitamente com padrões de segurança, mecanismos de verificação e inovação de tecnologia de segurança. Juntos, podemos melhorar a segurança em toda a cadeia de valor e ajudar a construir confiança por meio de verificação”, acrescentou Hu.

 

 



Newsletter

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS