Universidade Estácio de Sá é alvo de ataque hacker

Nesta quarta-feira (26/06), problema foi identificado porque alunos e professores não conseguiam acessar o portal e a instituição de ensino informou que foi uma invasão

Por: Redação, ⌚ 27/06/2019 às 17h36 - Atualizado em 27/06/2019 às 17h39

Nesta quarta-feira (26/06), alunos e professores encontraram dificuldades para acessar o site da faculdade Estácio de Sá. Havia uma suspeita da ação de hackers que teriam invadido a rede da empresa em todo o Brasil. Segundo funcionário da instituição de ensino, o sistema está fora do ar e que existe a suspeita que a ação tenha sido um sequestro de dados. Por isso, a normalidade do expediente foi afetada em praticamente todas as unidade do país nesta quarta.

 

 

A mesma fonte informou que a Estácio deve fazer um pronunciamento oficial nesta quinta-feira (27), ao longo da manhã, sobre o ocorrido e que também deve falar sobre quais atitudes serão tomadas pela universidade.

 

 

O que se sabe é que todas as provas online marcadas tiveram que ser canceladas e que diversos alunos estão ligando para as unidades questionando o que aconteceu. Pela falta de informações até o momento, os funcionários estão comunicando que não sabem o motivo da queda do sistema.

 

 

Nem todos os colaboradores foram informados sobre o problema nos dados da empresa. Alguns souberam através de postagens em redes sociais, enquanto outros receberam um e-mail do TI de algumas unidades da Estácio pedindo o imediato desligamento das máquinas.

 

 

Segundo nota oficial da assessoria de imprensa da Universidade Estácio de Sá, “na quarta-feira, alguns computadores de colaboradores da Estácio foram alvo de uma tentativa de invasão. Assim que a tentativa foi constatada, a empresa adotou o procedimento padrão nesses casos, que é iniciar um plano de contingência e tirar a rede do ar. O objetivo desse tipo de atitude é conter a invasão, preservando as informações dos nossos alunos, e foi alcançado com sucesso: nenhum dado foi vazado ou alterado”.

 

Ainda, de acordo com a notificação, “embora o ataque tenha sido contido, o restabelecimento de uma rede complexa como a da Estácio leva tempo. Por isso, as provas dos nossos cursos de Ensino a Distância foram suspensas temporariamente. As equipes internas estão atuando para normalizar a operação da rede — que, por sua complexidade e abrangência, demanda tempo para ser totalmente restabelecida”.

 

* Com informações do Eu, Rio



Newsletter

Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Alex Amorim

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS