ANPD traz novo prazo, mas faltam independência e orçamento

A criação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados e prazos estendidos coloca o Brasil em um nova fase de prevenção e conscientização da proteção de dados em 2019; independência e orçamento definido são os principais pontos que devem ser ajustados na MP, na opinião de especialista

Ópera de Sydney moderniza segurança cibernética

Melhorias transformaram a instituição numa fortaleza digital; ferramentas utilizadas não exigem que clientes transmitam dados constantemente para a nuvem ou dependam da conectividade com a Internet para proteção




Newsletter