LGPD exige do varejo muito além da proteção no perímetro

Com a transformação digital, crescimento das compras online e ações de marketing agressivas para atrair o consumidor, o comércio online, muitos ancorados em negócios tradicionais do setor, terão que rever, principalmente, a questão do consentimento para uso de dados, entre outras questões que tiram o sono dos CISOs desse mercado.

Por: Paula Zaidan, ⌚ 01/10/2019 às 10h57 - Atualizado em 03/10/2019 às 17h09

Se por um lado os negócios online do varejo crescem em ritmo acelerado, também a concorrência e a vulnerabilidade, uma vez que o ecossistema da indústria varejista envolve uma série de atores, entre eles as operadoras de cartões e bancos. Esse último, está mais avançado na conformidade para a LGPD.

Entretanto, o setor de varejo está correndo contra o relógio para validar os seus dados e avaliar a questão do consentimento pelos clientes, o que muda bastante a regra do jogo porque o marketing, hoje bastante agressivo para fisgar o consumidor, já não poderá mais fazer campanhas usando indiscriminadamente todos os dados para rastrear o perfil do comprador.

O e-commerce, que acena com uma projeção de vendas perto de R$ 80 bilhões para este ano, segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), não depende mais apenas do consumidor para preencher um cadastro com seus dados pessoais e assim efetivar as vendas. Já faz uso de uma série de ferramentas que usam tecnologias digitais mais avançadas para conhecer os hábitos e comportamentos do cliente, que vão desde analisar a navegação de internet até o reconhecimento facial. E, nesse último caso, já tivemos casos recentes de multa de órgãos de proteção ao consumidor pelo uso indevido de câmeras de reconhecimento facial.

 

Diante desse cenário, como se preparar para cumprir os prazos da LGPD? E, mais, como não fechar as portas, uma vez que recentemente o governo derrubou alguns vetos da Lei. O momento é nebuloso. Do ponto de vista do varejo, a Conteúdo Editorial, em parceria com a Fortinet, desenvolveram um conteúdo exclusivo com os principais pontos de atenção e orientações a serem tomadas. Acesse aqui.



Newsletter

Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Alex Amorim

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS