CIEE insere 300 mil estudantes no mercado de trabalho com ajuda de soluções de segurança SonicWall

A LGPD é o próximo horizonte do time de TI e segurança, que em conjunto com o setor jurídico do CIEE, trabalha pelo alinhamento à nova lei.


Por: Redação, ⌚ 12/09/2019 às 16h19 - Atualizado em 16/09/2019 às 11h38

A SonicWall anuncia os resultados que o Centro de Integração Empresa-Escola-CIEE alcançou com o uso de soluções de segurança da SonicWall. Neste ano, 300 mil estagiários estão empregados graças aos serviços providos pela entidade, que fez a ponte entre jovens profissionais e 40 mil empresas.

 

Os bancos de dados do CIEE contêm o perfil de 30 milhões de estudantes de nível secundário e universitário, além dos jovens que participam do programa Jovem Aprendiz, do Governo Federal. As operações da entidade estendem-se por todos os estados do Brasil, com exceção de Rio de Janeiro, Espírito Santo, Pernambuco, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. Além disso, a entidade conta com mais de 200 pontos remotos com perfis que variam de centros de operações regionais a polos de capacitação de aprendizes.

 

Por trás desse universo está a Gerência de Tecnologia e Suporte do CIEE. Uma de suas principais missões é garantir o acesso contínuo e seguro a aplicações como o Sistema Operacional de Estágio, plataforma que existe há mais 23 anos e está sendo vertida numa aplicação web, com o nome Kairós. “Com a ajuda das soluções da SonicWall, oferecemos acesso seguro aos nossos sistemas a partir de nossas unidades externas”, diz Mário Cabral, supervisor de Tecnologia do CIEE.

 

Somando três mil usuários internos, são cerca de 3 milhões de acessos de estudantes por dia. “Hoje, a estabilidade e a segurança oferecidas pela rede VPN baseada nos firewalls de Próxima Geração da SonicWall e por soluções como Sandbox, filtro de conteúdo, antivírus e IPS reforçam a automação e a gestão de nosso ambiente” afirma Mário Cabral.

 

Rede blindada

 

O CIEE utiliza também a solução de segurança para redes Wi-Fi SonicWall SonicPoint. “Contamos com 100 antenas, mas estamos no processo de ampliar ainda mais o acesso ao Wi-Fi tanto para usuários internos como para estudantes”, diz Mário Cabral. A plataforma SonicWall filtra os acessos realizados por meio da rede Wi-Fi, checando a identidade do usuário e seus direitos de acesso a partir do cruzamento de dados com o AD (Microsoft Active Directory) da entidade. Neste momento, o time de TI está empenhado em desenhar e implementar uma segunda rede corporativa totalmente baseada em Wi-Fi.

 

Outro ganho que está sendo conquistado é a paulatina desativação de links MPLS e de outros serviços de Telecom. “Esses serviços estão sendo substituídos por links de Internet controlados pelas VPNs baseadas nos Firewalls de Próxima Geração da SonicWall”, detalha Mário Cabral.

 

O compromisso com a continuidade dos processos da organização levou Mário Cabral e sua equipe a projetarem um ambiente em HA (Alta Disponibilidade) tanto em seu data center – onde usa o firewall SonicWall NSa4600 – como em pontos remotos com alta carga de acessos. “É o caso, por exemplo, da Central de Atendimento que mantemos no bairro da Vila Mariana, em São Paulo – com 300 operadores em ação, tornou-se necessário implementar ali o SonicWall NSa4650, também em HA”. Hoje, o CIEE conta com mais de 50 Firewalls de Próxima Geração da SonicWall configurados em alta disponibilidade – isso vale para todos os sites que utilizam a série SonicWall TZ.

 

O ambiente SonicWall é reforçado pela plataforma de gerenciamento SonicWall GMS (SonicWall Global Management System). A solução oferece uma visão centralizada de tudo o que se passa na infraestrutura de segurança e acesso e gera relatórios que contribuem para a otimização dos recursos digitais que atendem os usuários internos e externos do CIEE.

 

LGPD em ação

 

Satisfeitos com as conquistas na área de segurança, criada desde o ano passado, a organização avança em direção à Lei Geral de Proteção de Dados. Isso está sendo feito por meio de uma ação em conjunto com as áreas da gerência de tecnologia e com todo o CIEE. “Em parceria com nosso setor jurídico, estamos bem adiantados em tudo o que diz respeito à LGPD”.

 

A maturidade da cultura de TI e de segurança do CIEE norteou o processo de escolha do novo Firewall de Próxima Geração. Com apoio da Constellation Integração de TI, parceira de negócios da SonicWall Brasil, o time do CIEE realizou uma PoC com as soluções da SonicWall. Um dos destaques das ofertas da SonicWall é sua política de licenciamento.

 

A forte ênfase em educação levou a instituição a investir no treinamento e certificação de alguns de seus profissionais no ambiente SonicWall. Em várias ocasiões experts do CIEE e Constellation debruçaram-se juntos sobre um desafio técnico para definir o que fazer para seguir preservando a integridade e a performance do ambiente digital do CIEE.

 

Para Fernando Barreto, gerente geral da Constellation, o CIEE é uma referência nacional para o jovem estudante que busca se profissionalizar. “A instituição vai além do cruzamento de dados entre a empresa que abre a vaga e o estudante que pode atender a esses requisitos, oferecendo treinamentos presenciais e online para que o jovem ganhe as atitudes e o conhecimento que farão diferença em sua jornada”. Neste contexto, a tecnologia é essencial. “Os extensos bancos de dados do CIEE são um motor de inclusão e transformação do nosso país; o time de TI e de segurança sabe disso e trabalha ativamente para garantir a segurança e a disponibilidade de seus sistemas críticos”.  O papel dos profissionais da Constellation é, ao lado dos experts da TI e segurança do CIEE, prever e executar ações que preservam a integridade do ambiente e a qualidade de serviços. “Esse universo está em expansão – nossa meta é garantir que isso aconteça sem vulnerabilidades, vazamentos ou falhas”.

 

 

 

 

 

 



Newsletter

Rangel Rodrigues
Rangel Rodrigues
Alex Amorim
Rangel Rodrigues

/ VEJA TAMBÉM



/ COMENTÁRIOS